Cachorro-quente da vovó

Uma história de Fabricio Barros.

Cachorro-quente da vovó

Se tem uma coisa que a gente sempre guarda na memória é a comida da vovó. E comigo não é diferente.

Até hoje me lembro com muito carinho das delícias que preparava minha avó Marli, em especial o cachorro-quente. Quando ela colocava as salsichas no fogo, eu e meu irmão já ficávamos esperando a hora do lanche. Em aniversários, Natal, Dia das Crianças, ou até mesmo nas nossas frequentes visitas de fim de semana, ela já sabia qual era o prato predileto dos netos: cachorro-quente! Quando paro pra lembrar dá até água na boca. E uma coisa é certa, ainda hoje nas oportunidades que temos de fazer uma visita - mesmo que de surpresa - ela sempre pergunta: "Ô, meu netinho! Você quer que a vovó prepare um cachorro-quente pra você? Tem salsicha Sadia na geladeira".

Conheça uma receita com salsicha Sadia que, assim como o cachorro-quente da vovó Marli, também é uma delícia.

Clique aqui
Topo